fbpx

5 dicas de como montar uma sala de reunião pequena e funcional

sala de reunião pequena

Ao projetar uma sala de reunião pequena para um escritório, os arquitetos devem considerar vários fatores ao escolher o design certo. Esteticamente falando, o layout de um escritório impacta diretamente na percepção de visitantes e funcionários. Além disso, o seu aspecto terá um impacto direto na produtividade dos funcionários e na disposição deles para colaborar.

Por isso, é importante considerar tudo antes de iniciar a construção. Quer esteja a criar um espaço ou a converter uma área existente em um ambiente para fazer reuniões, há muitas coisas em que pensar. Neste post, vamos apresentar várias dicas sobre como uma sala de reunião pequena e funcional para deixar as equipes mais confortáveis.

Quer saber um pouco mais sobre a importância da escolha de um mobiliário que garanta o conforto e a praticidade da sala de reunião? Aqui está tudo o que você precisa saber sobre como montar um ambiente agradável do zero!

1. Desenvolva um bom projeto de iluminação

Quando se trata de projeto de iluminação para pequenas salas de reunião, há algumas coisas a se ter em mente. Primeiro, você precisa ter certeza de que a sala está iluminada de maneira uniforme. Se desejar inserir contrastes para chamar atenção para algum objeto específico, utilize uma técnica de iluminação direta e indireta.

Segundo, você deve evitar o uso de muito brilho. O ofuscamento pode ser causado pelo uso de muita luz brilhante ou por ter fontes de luz que não são adequadamente distribuídas. Por fim, é importante criar uma atmosfera confortável e convidativa, que combine com a sala de reunião pequena. Isso pode ser feito optando por uma iluminação quente e suave.

2. Escolha a mesa ideal para a sala

Há muitos fatores a serem considerados ao configurar uma sala de reuniões, incluindo espaço, acústica, iluminação e móveis. Uma das coisas mais importantes e que precisam ser consideradas por quem configura uma sala de reuniões é a quantidade de espaço necessária e as mobílias que devem ter boa qualidade. Veja:

  • cadeiras: além de decidir quantos assentos são necessários na sala, bem como o tipo de móvel que você usará, é preciso pensar na textura e nas cores para gerar uma harmonia com a identidade visual e conceitual do negócio;
  • mesas: esse móvel precisa ter uma boa proporção com a sala. Mesas retráteis e arredondadas podem facilitar a movimentação em ambientes menores.

Verifique sempre se a altura das cadeiras é compatível com a altura dos vãos das mesas, pois o encaixe perfeito evita uma impressão de desorganização. Por outro lado, mesas e cadeiras podem ser multifuncionais ao serem colocadas na sala de reunião pequena, visto que essa multifuncionalidade permite utilizar o espaço para a realização de diversas atividades.

Diferentes tipos de móveis criam ambientes encantadores para os seus clientes. Os móveis multifuncionais ajudam a otimizar o uso do espaço, principalmente em projetos em que o espaço é bastante limitado. Eles também transmitem a impressão de produtividade e eficiência, de uso inteligente da arquitetura e da decoração.

3. Realize a decoração do ambiente

Uma sala simples, com elementos de design específicos e atrativos pode ser chamada de sala de reuniões, pois é isso que a maioria dos negócios tem atualmente. Se o seu cliente procurou um escritório especializado a fim de decorar um ambiente, mesmo que ele seja pequeno, é porque ele acredita que essa é uma tarefa para profissionais.

Isso é bastante comum, já que as salas de reuniões permitem que os gerentes promovam a criatividade e a colaboração entre os funcionários. Além disso, é necessário ter um ambiente produtivo e positivo no qual os funcionários possam trabalhar e colaborar entre si. Esses gestores sabem a importância da arquitetura para um negócio e estão esperando um planejamento minucioso. Observe algumas dicas:

  • use a criatividade: estar em um ambiente criativo pode ajudar as pessoas a gerar novas ideias e a resolver problemas. Você pode criar uma sala que facilite a imaginação adicionando elementos que promovam a troca de ideias, como quadros brancos ​​e luz natural;
  • foque na colaboração: a cooperação acontece quando as pessoas se sentem seguras para compartilhar suas ideias e opiniões. Crie ambientes colaborativos colocando alguns profissionais próximos uns dos outros;
  • aposte em privacidade: os participantes de uma reunião não podem sentir que estão em exibição e que os assuntos discutidos têm a chance de serem vazados, portanto, use divisórias e tecnologia de isolamento acústico;
  • invista em funcionalidade: um espaço de reunião precisa fornecer um ambiente funcional para reuniões, ter espaço suficiente para todos os participantes, um local para as pessoas escreverem, um móvel para guardar papéis ou livros.

Reflita sobre cada detalhe que estará presente na composição do ambiente. Considere as cores da parede, piso, teto e outros detalhes construtivos. Analise também as mobílias que serão colocados na sala de reunião e pesquise objetos decorativos que darão um toque especial ao cenário, criando sensações e gerando emoções positivas em seus usuários.

4. Personalize o espaço

Depois de descobrir os objetivos específicos do gestor para a sala de reunião pequena, utilize essas informações para criar um projeto personalizado de acordo com as pessoas que vão utilizar o espaço. A maioria dos profissionais prefere um nível moderado de luz quando trabalha, afinal, ninguém gosta de trabalhar em ambientes escuros.

Um nível de ruído muito alto dificultará a concentração dos funcionários no trabalho, de modo que é importante criar barreiras para os sons externos. Personalize a sala de reuniões conforme o número de pessoas que vão utilizá-la, leve em consideração a quantidade de móveis, a disposição dos assentos e os aspectos do design.

Montar uma sala de reunião pequena para um escritório pode ser um projeto lucrativo. Você precisa considerar alguns fatores, como o layout da sala, materiais e circunstâncias específicas. Garanta que esse ambiente seja funcional e promova maior interação entre os funcionários. Felizmente, com as dicas e conselhos certos, será possível criar ambientes ideais para os seus clientes.

5. Considere os objetivos específicos do espaço

Na hora de projetar uma sala de reunião pequena, verifique quais são os objetivos do seu cliente que pretende criar esse espaço. A função desse tipo de ambiente é conhecida por todos, no entanto, é preciso considerar a importância subjetiva e particular para cada modelo de negócio. Afinal, as empresas podem utilizar essas salas para diversas tarefas.

Em alguns casos, esse será apenas um local para reunir a equipe em alguns momentos, para tirar dúvidas ou ouvir sugestões dos colaboradores para propor melhorias. Em outros, a sala será um espaço de conversas com os clientes ou para fazer negociações formais com potenciais parceiros ou fornecedores. Alguns gestores podem querer utilizá-la para treinamentos como se fosse uma sala de aula.

Enfim, estas são as 5 dicas de como montar uma sala de reunião pequena! A F.Way é uma empresa reconhecida no mercado por oferecer soluções inovadoras ao seu público-alvo, como assentos corporativos para escritórios, salas de reuniões de consultórios, escolas e muito mais. Os seus produtos são de altíssima qualidade, fabricados com tecnologia de ponta e materiais de primeira linha.

Quer conhecer os melhores móveis para espaços corporativos? Acesse o espaço virtual da Fway!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?