fbpx
designers de móveis

Conheça agora 5 famosos designers de móveis

Os verdadeiros avanços e as inovações na decoração e na arquitetura são desencadeadas por um diferencial: o espírito criativo dos seus profissionais. Por isso, conhecer os famosos designers de móveis significa conhecer e entender como eles conseguiram captar todas as novidades e os anseios de seu tempo para transformá-los em obras que modificaram os rumos da área.

Suas influências se refletem em cada design elaborado posteriormente, servindo de inspiração para os demais. Com a implementação de novas ideias, novos caminhos se abrem, seja para potencializar o que já foi feito (recriar) ou para contestar o conceito.

Portanto, sem os ícones sobre os quais falaremos aqui, a arquitetura seria mais uma técnica do que uma arte. Ficou interessado? Acompanhe!

A importância de conhecer os grandes nomes do design

Um dos grandes nomes da filosofia e da crítica da arte, Harold Bloom, estabeleceu um conceito bem interessante para explicar o surgimento das grandes obras de arte: a angústia da influência. Segundo Bloom, a inovação artística surge pela vontade das novas gerações de superar seus antecessores.

Esse impulso faz com que os indivíduos busquem revisar ideias que não são mais adequadas aos tempos atuais. No entanto, no desejo de inovar, o artista adota as obras dos antecessores como um parâmetro, tornando-as mais vivas.

Da mesma forma, a ansiedade da influência provoca frequentemente um desejo do artista de homenagear e referenciar aqueles gênios que aguçaram o seu senso artístico. Assim, os designers famosos se tornam uma fonte de inspiração, estimulando os demais colegas a recriar e se superar.

Por fim, nos dias de hoje, conhecer as obras de outros designers é essencial por outro motivo: o rápido avanço tecnológico. É impossível que um profissional consiga se conectar a todas as tendências que surgem. Portanto, ao conhecer as principais obras de grandes nomes, ele também ganha a oportunidade de entender como novos materiais, conceitos e gadgets são incorporados ao design e à arquitetura.

5 mais famosos designers de móveis brasileiros e internacionais

O Brasil é uma das grandes fontes de referência no design de móveis, pois esse setor é bastante forte no país, especialmente devido às nossas riquezas naturais. A madeira e o minério são as principais matérias-primas do setor e são diversas e abundantes aqui.

Entretanto, há nomes internacionais muito relevantes, os quais são essenciais para diversificar e incorporar novas ideias ao nosso mercado. Por esse motivo, vamos falar sobre todos os gigantes do design ao redor do mundo.

1. Christoph Jenni

Vamos começar com um grande artista das novas gerações do design, Christoph Jenni. Nascido no Rio de Janeiro e filho de imigrantes suíços, ele retornou à terra dos pais para estudar desenho industrial na FHNW, em Aarau, — uma das principais universidades de artes visuais e arquitetura da Europa.

Lá, conciliou sua influência brasileira com sua ancestralidade e formação na Suíça. Com isso, seus móveis trazem uma síntese dos materiais e da irreverência nacional com a precisão e elegância da tradição artística suíça.

Seus designs são suaves e agradáveis visualmente, originados de um planejamento meticuloso. De acordo com Jenni, seu trabalho reflete as lições de seu mestre, Hannes Wettstein, um dos maiores nomes do design mundial.

2. Hannes Wettstein

Depois de falar do pupilo, é momento de falar sobre seu mentor. Apesar de falecido em 2008, Wettstein é muito presente na arquitetura corporativa contemporânea. Foi ele um dos principais responsáveis por romper os padrões engessados desse tipo de mobiliário, mostrando que a criatividade e a inovação não são exclusivas dos ambientes residenciais e que poderiam se adequar perfeitamente às peças voltadas para o uso no comércio e no setor de serviços.

Para isso, utilizou como fonte materiais tradicionais (como o couro e o aço inoxidável) e cores sóbrias (preto, prateado, cinza e marrom), a fim de inovar nas formas. Então, seus móveis são caracterizados pela:

  • presença de curvas em elementos tradicionalmente quadrados, como os braços das cadeiras e as lâminas das mesas corporativas;
  • angulações oblíquas ou agudas nas pernas e nos encostos em substituição aos ângulos retos;
  • quebra da simetria das peças e dos seus componentes.

3. Antonia Almeida e Fabio Esteves

Essa dupla de brasileiros fundou um estúdio de design de móveis com o objetivo de causar uma disrupção no mercado, isto é, fazer o mais diferente possível. Desde então, exploram materiais pouco utilizados e formas irreverentes. Quando alguém olha para as peças assinadas por eles, certamente a primeira impressão será: não imaginei que isso seria possível.

Em uma entrevista, Antonia Almeida definiu a filosofia dos seus projetos em pequenas frases simples e efetivas:

O respeito, a amizade, a colaboração e o nosso comprometimento com o trabalho. Amamos o que fazemos e queremos melhorar sempre. Não há limites para a criatividade.

4. Ricardo Bello Dias

Um dos grandes nomes exportados pelo Brasil, Dias é um pernambucano que faz muito sucesso no polo do design mundial, a cidade de Milão, na Itália. Com formação invejável pela UFPE (Brasil), pela A-A Architectural Association (Londres) e Politécnico (Milão), ele se especializou em arquitetura e design corporativo.

Desse modo, suas obras fazem parte da identidade visual e da direção de arte de vários escritórios, hotéis e lojas de moda em todo o mundo. Sua obra busca aproximar o futuro do presente ao antecipar tendências, como a sustentabilidade, o trabalho colaborativo, as formas não-convencionais e o intimismo.

5. Florence Knoll

Florence simplesmente estabeleceu a identidade visual do mobiliário corporativo contemporâneo. Muito do que vemos hoje não existiria se ela não tivesse derrubado conceitos tradicionais que vigoravam na primeira metade do século XX.

Foi ela uma das primeiras arquitetas a falar sobre a humanização dos espaços corporativos e introduzir neles elementos de aconchego e inovação. Suas peças se caracterizam por linhas limpas e formas geométricas funcionais, com texturas, formas e cores orgânicas.

Com essas dicas, você poderá se inspirar na obra dos maiores designers de móveis do Brasil e do mundo. Fique atento para trabalhar com fornecedores que colaboram com esses e outros nomes relevantes. Assim, é possível garantir que seus projetos estarão de acordo com o que há de mais atualizado na arquitetura e na decoração.

Quer saber mais sobre as principais tendências do mercado? Então, saiba mais sobre a sustentabilidade no design de interiores!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.